Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Coninhas

Ser Coninhas é um Direito!

Coninhas

Ser Coninhas é um Direito!

AS FRASES MAIS...

...MENTIROSAS DO MUNDO
ADVOGADO:
- O processo vai andar rapidamente.
VENDEDOR: - Se houver algum problema, volte cá que eu troco.
ANFITRIÃO: - Já te vais embora? Ainda é cedo.
BEBADO: - Sei perfeitamente o que estou a dizer.
CHEFE DA POLÍCIA: - Vamos tomar as devidas providências.
DENTISTA: - Não vai doer nada.
DESILUDIDA: - Nunca mais quero saber de nenhum homem.
FILHA DE 19 ANOS: - Dormi em casa de uma colega.
FILHO DE 19 ANOS: - Volto antes da meia noite.
GERENTE BANCÁRIO: - Trabalhamos com as taxas mais baixas do mercado.
NAMORADA: - Para te dizer a verdade eu nem beijar sei...
NAMORADO: - És a única mulher na minha vida que eu realmente amo...
NOIVO: - Casaremos o mais breve possível.
ORADOR: - Apenas duas palavras....
RECÉM-CASADO: - Até que a morte nos separe.
VENDEDOR DE SAPATOS: - Depois alarga com o pé.
SOGRA: - Entre marido e mulher eu não meto a colher.

EU: - Este é o meu último post...

A VISITA

A professora estava com os seus alunos a visitar os bichinhos no jardim zoológico.
Passaram pela jaula dos leões, viram as girafas e então pararam na jaula dos macacos.
Aí havia uma placa enorme que dizia que era proíbido dar comida aos animais, mas meus amigos, vocês sabem como são as crianças.
O Joãozinho estava com um saco de pipocas e decidiu atirar uma ao macaquinho que, pegou nela, enfiou-a no cú e comeu-a.
Ele atirou outra, o macaco pegou nela, enfiou-a de novo no cú e comeu-a.
A professora viu aquilo e ficou espantada. Foi ter com o tratador e disse-lhe muito aborrecida:
Que absurdo foi aquele meu senhor, aquele macaco com aquela indecência?”
O tratador com toda a calma respondeu-lhe:
“Isso não é nada. Acontece que na semana passada vieram umas pessoas aí e atiraram-lhe um coco. Ele engoliu-o e não conseguiu cagar. Agora ele mede tudo o que lhe dão para comer para ver se passa”.

CONFUSÃO

O marido, que estava em viagem, ligou para casa para saber notícias e é a sua filha que atende:
“Olá filha, como estás?” - pergunta ele.
“Bem, pai”.
“E a mãe, onde está?”
“A mãe está no quarto com o tio João”.
“Tio João? Mas tu não tens nenhum tio João”.
Então ele percebe e diz-lhe.
“Filha, vai lá e diz À tua mãe que o pai acabou de estacionar o carro aqui em frente à nossa casa!”
“Está bem pai. Eu já volto”.
E depois de alguns minutos ela volta.
“Já disse, pai!”
“E o que aconteceu filha?”
“A mãe levantou-se da cama e a correr escorregou no tapete e morreu. O tio João pulou para a piscina para sair pelas traseiras e esqueceu-se que o pai tinha esvaziado a piscina e, também morreu!”
“Bolas! Piscina!? Aí é do número 214927653?”
“Não, diz a menina!”
“Ah! Desculpe foi engano!”

SÓCRATES...

...NA FESTA
O Sócrates aparece numa festa de um empresário importante mas, ao chegar à entrada da enorme mansão, foi travado pelo segurança.
“Desculpe, senhor, mas sem convite não posso deixá-lo entrar”.
“Mas, eu sou o Sócrates, o Primeiro-ministro de Portugal!”
“Então, por favor, mostre-me os seus documentos”.
“É que também não tenho documentos. Esqueci-me da minha carteira”.
“Desculpe-me, mas não vou poder deixá-lo entrar”.
“O que é isto? O senhor nunca me viu na TV? Olhe bem para a minha cara!”
“De facto, o senhor é muito parecido com o Primeiro-ministro, mas sabe como é, existem muitos sósias do Sócrates por aí. O senhor vai ter de provar que é o Sócrates mesmo.
“Mas o que quer que eu faça?”
“Não sei. O Eusébio também se esqueceu dos documentos e eu dei-lhe uma bola de futebol e ele fez uma demonstração que me convenceu logo”.
“Mas..., eu não sei fazer nada!”
“Desculpe-me pelo inconveniente Senhor Primeiro-ministro, pode entrar...”

A CONTRIBUIÇÃO

Um motorista pára no trânsito e alguém bate no vidro do carro.
Receoso, ele abaixa um pouco o vidro e pergunta:
"O que é?"
O homem diz:
"O Sócrates foi sequestrado e o pedido de resgate é de 50 milhões de euros. Se o resgate não for pago, o sequestrador ameaça regá-lo com gasolina e incendiá-lo. Estamos a receber contribuições. Gostaria de participar?"
O homem no carro pergunta:
"Na média, quanto é que cada pessoa tem doado?"
O outro responde:
"Entre 5 a 10 litros".

Pág. 18/18